Blog Linux Avante

VirtualBox 6.0.10 adiciona UEFI Secure Boot Driver Signing em hosts Ubuntu e Debian 10+

16 de julho de 2019

VirtualBox

VirtualBox 6.0.10 foi lançado hoje, e embora esta seja uma versão de manutenção, com principalmente correções de bugs, ela vem com uma adição importante: suporte para assinatura de driver de inicialização segura UEFI em hosts Ubuntu e Debian 10+.

VirtualBox é um software de virtualização x86 e AMD64/Intel64 que roda em Windows, Linux, macOS e Solaris, e suporta um grande número de sistemas operacionais convidados, incluindo Windows Linux, Solaris, OpenSolaris, OS/2 e OpenBSD.

Um bug do VirtualBox sobre a assinatura do driver de inicialização segura não funcionar no Linux foi aberto 6 anos atrás e ainda não foi marcado como completamente corrigido. Com a versão 6.0.10 mais recente, porém, o VirtualBox suporta a assinatura do driver UEFI Secure Boot em hosts Ubuntu e Debian 10+, para que os usuários não precisem mais assinar manualmente os módulos do kernel vbox ou desabilitar a inicialização segura para executar as máquinas virtuais.

Parte do problema é que qualquer maneira automática de assinar módulos do kernel é provavelmente apenas um pouco mais segura do que desabilitar a assinatura por completo. Claro, é difícil dizer com certeza, assim como é difícil dizer com certeza quanto benefício de segurança os módulos de assinatura oferecem, especialmente em um sistema desktop.

A citação acima é de um desenvolvedor do VirtualBox, postada como um comentário neste relatório de bug. Ele continua em um novo comentário:

Isso foi corrigido para o Ubuntu a partir da versão 6.0 atual e das compilações de teste do código principal. A razão pela qual foi possível fazer isso para o Ubuntu é que eles já fornecem um mecanismo próprio para uso com módulos DKMS. Os problemas que mencionei em meu último comentário ainda se aplicam, mas como o Ubuntu decidiu fornecer isso por conta própria, essa decisão foi deles, não nossa.

Ele também sugere que qualquer pessoa que queira isso corrigido para outras distribuições Linux peça à distribuição que forneça um mecanismo que eles possam usar.

Outras mudanças interessantes no VirtualBox 6.0.10:

  • Interface do usuário: corrige problemas de redimensionamento com hosts Linux recentes
  • Hosts Linux: corrige problemas de captura de foco com versões recentes do Qt
  • Convidados Linux: não tenta carregar versões antigas do libcrypt em convidados recentes nas ferramentas de adição de convidados
  • Convidados Linux: as regras do udev para módulos de kernel convidados nem sempre entram em vigor a tempo
  • Convidados Linux/VMSVGA: não se esquece do tamanho da tela do convidado após uma reinicialização do convidado
  • USB: melhora a identificação do dispositivo capturado
  • USB: Corrigidos problemas de "erro irrecuperável" na emulação OHCI

O changelog completo pode ser lido no site do VirtualBox caso você esteja interessado.

Baixe o VirtualBox

Baixar VirtualBox

A página de downloads do VirtualBox oferece o mais recente VirtualBox 6.0 (6.0.10 agora) para Windows, macOS, Linux e Solaris. Existem pacotes e repositórios Linux para Ubuntu, Debian, openSUSE, Fedora, Oracle Linux, Red Hat Enterprise Linux e CentOS 7.

Se você tiver o VirtualBox repositório habilitado em seu sistema, tudo o que você precisa fazer é instalar o pacote virtualbox-6.0 para obter a versão mais recente.

Confira a versão original desse post em inglês
Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.